1995

Março Inglaterra
Londres

Abril Bélgica
Mons

Setembro Irlanda
Dublin, Galway, Inishmore, Dingle, Kerry, Cork

Novembro Espanha
Barcelona


Resumo de 1995 >> início da página e galeria

Março Inglaterra
Londres

Deslocação a Londres para um Congresso da Xephon com estadia no Hotel Green Park em Picadilly Street. Nesta viagem, fomos conhecer mais uma vez as principais atracções de Londres como o Big Ben, o Parlamento, Whitehall e Downing St., Trafalgar Sq., o Palácio de Buckingham, Picadilly Circus, Leicester Sq., Oxford St, St. Paul Cathedral, etc.

Fora desse circuito tradicional, visitámos o mercado de antiguidades em Portobello Road, admirámos a arquitectura de Notting Hill e atravessámos Hyde Park até os armazéns Harrods.

1995_01

Outra descoberta fora dos circuitos foi a Feira de Camden Town, um verdadeiro mundo aparte, pela atmosfera cosmopolita, pela diversidade do que se vende e pela dimensão da feira de rua nos seus múltiplos recantos, desde a beira do canal em Camden Lock até às galerias por baixo da linha férrea até aos antigos estábulos.

Da Torre de Londres apanhámos o metro ligeiro Docklands Light Railway (DLR) em direcção à Isle of Dogs na moderna zona das Docas, passando pelo complexo de arranha-céus Canary Wharf. No final desta ilha no Tamisa atravessámos o secular túnel pedestre vitoriano sob o rio que liga a Greenwich. Aqui vimos o navio Cutty Sark, passámos pelo National Maritime Museum e subimos o jardim até ao Real Observatório Astronómico, onde passa o meridiano de Greenwich que divide o mundo.

À noite, estivemos em alguns pubs, fomos ao Hipodrome em Leicester Square, fomos ao Sega World e assistimos ao fabuloso teatro musical “Oliver” (conto de Charles Dickens) no London Paladium.


Resumo de 1995 >> início da página e galeria

Abril Bélgica
Mons

Pela primeira vez fiquei em casa do meu amigo Arkadi na cidade de Mons que fica na Valónia muito perto da fronteira francesa. Além de todas as actividades lúdicas no seio da família Sanzarowski, conheci bastante a própria cidade e os arredores onde habitam membros da família.

1995_02

Em Mons visitei a Grand Place onde fica o Hôtel de Ville (Câmara Municipal) e o “singe” (macaco representativo da cidade), a Igreja Collégiale Sainte-Waudru e o Belfroi que oferece uma vista magnífica sobre a cidade. No demais deambulámos bastante nas ruas pedestres de la Chaussée e de la Coupe. À noite o Bar Quartier Latin era ponto de paragem obrigatório.

Nos arredores de Mons conheci ainda as minas de carvão e houve tempo ainda para uma ida a França, para patinar no gelo na cidade de Valenciennes.


Resumo de 1995 >> início da página e galeria

Setembro Irlanda
Dublin, Galway, Inishmore, Dingle, Kerry, Cork

1995_mapa3

9/9 Lisboa – Dublin
– Partida de Lisboa às 7h10 e chegada a Dublin às 12h35 (11h35 hora irlandesa).
– Dublin: Custom House, Rio Liffey, Burgh Quay, Aston Quay, O’Connell Bridge, O’Connell Street, Abbey St., Henry St., Talbot St., Temple Bar (Little Soho), Connolly Station.

10/9 Dublin – Galway
– Partida de autocarro para Galway, via Athlone.
– Galway: Hight Street, Main Street (ruas piturescas), zona das docas.

11/9 Galway – Inishmore (Ilhas Aran)
– Galway: passeio pela zona junto ao mar, avistando Galway Bay.
– Saída de autocarro para o barco de ligação a Inishmore em Rossaveal.
– Ficámos no hostel Manistir House na maior das ilhas, num cenário rústico e tranquilo.

12/9 Inishmore (Ilhas Aran) – Galway
– Passeio pela ilha a pé: ilha rural com carroças e cavalos, muros de pedra antigos, casa com telhado de colmo.
– Visita a um monumento da idade do bronze Dun Aengus, ruínas de um forte celta.
– Regresso a Galway de barco até Rossaveal e autocarro.

13/9 Galway – Doolin
– Galway: ruas do centro.
– Autocarro para Doolin. Jantar tradicional e Pub tradicional com música celta e Guinness…

14/9 Doolin – Dingle
– Visita aos Cliffs of Moher – penhascos com 230 m de altura. Castelo.
– Autocarro até Dingle via Spanish Point, Kilrush, Rio Shannon (ferry-boat).
– Dingle Peninsula. Mais música e Guinness num Pub à noite.

15/9 Dingle – Killarney
– Autocarro até Tralee para apanhar outro para Killarney.
– Killarney: estadia numa mansão com vista para Killarney National Park.

16/9 Killarney – Ring of Kerry
– Excursão “Ring of Kerry”: Killorglin – Cahirciveen – Waterville – Miradouro (vista para Beare Peninsula e Caha Mountains) – Lady’s view – Gap of Dunloe – McGillycuddy’s Reek – Killarney.

1995_03

17/9 Killarney – Cork
– Killarney: centro da cidade.
– Cork: ruas do centro, Rio Lee.

18/9 Cork – Dublin
– Irish Breakfast. Comboio para Dublin/Heuston com chegada às 17h45.
– Fui a pé até ao centro passando pela Guinness Brewery em St.James Gate.
– Última ida ao Pub para beber “umas” Guiness.

19/9 Dublin – Lisboa
– Dublin: passeio pelo centro para mais umas fotos, desta vez com sol.
– Partida no avião às 12h20 da Iberia. Chegada a Lisboa às 22h depois de escalas.


Resumo de 1995 >> início da página e galeria

Novembro Espanha
Barcelona

Três anos depois voltei a Barcelona, desta vez para um congresso “Transaction & Messaging” da IBM, ficando hospedado num hotel perto da base de Montjuic e da Feira de Exposições de Barcelona na alameda que sai da Praça de Espanha.

No tempo livre do congresso, visitámos o Montjuic e o Estádio Olímpico, subimos Las Ramblas até à Praça da Catalunha onde bem perto visitámos a Casa Milá e a Casa Batló do Gaudi. Perseguindo a bonita e rara arte de Antoni Gaudi, visitámos a ainda a famosa Catedral da Sagrada Família que subimos e passeámos pelo Parque Guell com inúmeras obras de arte deste famoso arquitecto.

1995_04

Da Praça de Espanha voltando ao centro pela Avenida Paralel chegamos ao Passeio Colon. Aqui jantámos na zona de docas e pequenas marinas adjacente. Passeámos também por aquele complexo, visitámos o Aquário de Barcelona e vimos ainda um cinema Imax.

Na zona mais antiga da cidade, visitámos a catedral gótica e as ruelas medievais que ainda a circundam. Aqui perto passámos pelo Ayuntamento (Câmara Municipal) e Generalitat de Catalunha (sede do governo autónomo) e mais esquina menos esquina chegámos à encantandora Praça Real.

Mais longe do centro, fomos até à zona da antiga Cidade Olímpica com duas altas torres. Ali passeámos por uma imensa marina.

Comentários

O seu endereço de email não será publicado.